Confie mais em si mesmo(a) e tudo se modificará

Confie mais em si mesmo(a) e tudo se modificará

Pesquisadores da cidade de Indiana nos Estados Unidos descobriram que ser grato pelas coisas da vida pode gerar grandes mudanças – inclusive cerebrais.

Constatou-se, por meio dessa pesquisa (publicada no jornal científico NeuroImage) que o efeito de expressar gratidão tem consequências duradouras no cérebro.

É como se o cérebro se lembrasse mais vezes do comportamento de já ter se sentido grato e, desse modo, passasse a repeti-lo outras vezes no decorrer da vida.

Além disso, os pesquisadores descobriram que expressar gratidão também pode diminuir a depressão.

1 – Não tenha medo de errar: Compreenda que os erros são naturais, esperados e fazem parte do processo da vida de todos nós. São os erros (e a capacidade de se aprender com eles, não desanimar e seguir adiante) que dão sustentação às nossas conquistas e acertos. Você começou a dar seus primeiros passos, caindo e se erguendo novamente. Falou as primeiras palavras, ainda incompreensíveis, para só então desenvolver a linguagem. Imagina só se houvesse desistido de tudo? É preciso resgatar a confiança da criança que se foi um dia. Nessa criança, que ainda existe dentro de cada um de nós, é simplesmente desconhecido esse medo de falhar.

2 – Tenha orgulho da sua história de vida: Não é possível mudar nosso passado nem tampouco apagar os traumas e tragédias que fizeram parte da nossa existência, mas é possível dar novo significado a cada experiência negativa, transformando-as em acontecimentos que permitiram que você tenha se tornado uma pessoa mais forte, mais sábia. Abandone o papel de vítima e se torne protagonista da sua história. Em vez de lamentar os sofrimentos pelos quais passou, orgulhe-se de tê-los enfrentado e, ainda assim, estar seguindo adiante, buscando ser feliz.

3 – Valorize suas conquistas: Aqui me refiro a todas elas (às pequenas e grandes conquistas). Crie um diálogo consigo mesmo, parabenizando-se diariamente por tudo que fez de bom ou por cada pequeno progresso ao longo do dia. É uma questão de prestar mais atenção em si mesmo de uma forma mais positiva. Você se surpreenderá ao constatar o quanto tem focado sua energia mental no que há de pior ou naquilo que não tem dado certo, quando milhares de coisas boas estão ocorrendo ao seu redor (muitas delas com sua total participação).

4 – Amplie seu autoconhecimento: Pense em sua mente como um grande iceberg. Na superfície estão apenas uma pequena parcela daquilo que você sabe ao seu respeito. Nossa mente pode ser dividida em duas porções: consciente e inconsciente. Existe uma série de memórias, percepções, valores e pensamentos que ainda não estão disponíveis a sua consciência. Você pode descobrir mais sobre isso ao observar seus sonhos, ao se envolver com a arte (leitura, música, poesia etc), ao conversar com outras pessoas, ao observar comportamentos impulsivos e, principalmente, fazendo terapia.

5 – Tenha sempre em mente que você é único: Vivemos em um mundo com bilhões de pessoas – um mundo que está inserido em um universo muito antigo. E, entretanto, nunca existiu ou existirá uma pessoa como você (com seu material genético, sua história de vida, sua singularidade). Portanto, celebre sua existência. Ela é bem maior do que qualquer conflito ou preocupação que esteja consumindo seus dias.

Confie!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *